Os 5 PIORES erros do afiliado que podem levar o negócio online a falência em algumas semanas


Você está cansado de TENTAR se tornar um afiliado de sucesso?

Cansado de criar conteúdo, de investir em SEO e anúncios e não ter resultados expressivos?

Está pensando até mesmo em desistir de tudo e voltar seu foco para o mercado tradicional de trabalho?

Se você está nesse ponto, esse artigo tem o que você precisa para identificar os principais erros do afiliado e, melhor ainda, como contornar essa fase e sair do outro lado desse túnel que parece sem fim.

Os 5 PIORES erros do afiliado que podem levar o negócio online a falência em algumas semanas

Quem sou eu para falar sobre isso?

Num mercado onde TODOS se tornam especialistas depois de fazer um curso e algumas vendas, é melhor me apresentar antes de começar a apontar erros e propôr soluções, não é mesmo?

Meu nome é Gustavo Freitas.

Em fevereiro de 2008 criei um blog para deixar algumas de minhas ideias e anotações online, para que pudesse acessar de qualquer lugar com internet. Algumas semanas depois esse blog estava com um número de visitas que me impressionou.

Não sabia nada sobre SEO ou outras técnicas para conseguir visitas e não fazia ideia de como e por que aquelas pessoas estavam entrando em meu blog.

Na época não tinha curso ensinando a ganhar dinheiro na internet ou algo similar ao que temos hoje. Pesquisei muito e, alguns meses depois, já ganhava nesse blog mais que no meu emprego público.

Na época usava apenas Google Adsense, mas com o tempo foram surgindo outros programas de afiliado confiáveis e, em 2012, começou a onda de infoprodutos aqui no Brasil.

Nesse mesmo ano, antes mesmo de trabalhar como afiliado, lancei meu primeiro infoproduto. Os anos passaram, o mercado de infoprodutos evoluiu muito no Brasil e aqui estamos.

Hoje já são +25 infoprodutos lançados, entre eles o Clube do Marketing Digital, uma área de membros estilo Netflix onde você paga uma pequena mensalidade e tem acesso a todos os cursos lá dentro.

Depois de todo esse período na ativa e ajudando o mercado a evoluir (já são mais de 10 mil alunos treinados em meus cursos online e presenciais), acredito que posso falar um pouco sobre erros dos afiliados e como evita-los.

Palestra Afiliados Brasil 2018

O mercado está saturado?

Nos últimos meses muitos alunos me questionam se o mercado está saturado. Muitas pessoas questionam que hoje, devido a quantidade de cursos que ensinam a trabalhar como afiliado, que o mercado ficou pequeno para o grande número de afiliados que está nele.

A resposta é não!

O mercado não está saturado.

Existem diversos nichos em que não existe ainda um infoproduto e isso é um exemplo de quanto ainda existe para conquistar.

Recentemente fiz um artigo falando sobre isso e relacionei diversos nichos e assuntos que não tem um infoproduto (pelo menos não um infoproduto de qualidade).

→ +100 ideias para criar um infoproduto e ter uma renda superior a 5 dígitos por mês

Assim que terminar de ler esse artigo, sugiro que leia o artigo acima, vai te ajudar ainda mais a abrir a mente para novos horizontes no mercado de marketing de afiliação de infoprodutos.

Abra a mente! Isso vai ampliar seu horizonte e verá possibilidades de empreender onde só via obstáculos.

Nesses anos trabalhando com negócios online tive que modificar diversas vezes minha maneira de interagir com o mercado. Se não fosse assim, não teria criado minha empresa, largado o emprego público e uma cadeira de professor universitário e não estaria recebendo dez vezes mais pelo meu trabalho.

Se o mercado muda, várias pessoas ficam pelo caminho, é a seleção natural. Não se deixe “ficar pelo caminho“, é preciso evoluir junto com o mercado.

Os 5 PIORES erros do afiliado que podem levar o negócio online a falência em algumas semanas

Não é exagero. Nesse mercado, algumas semanas podem fazer toda a diferença entre o fracasso e o sucesso de um negócio online. Então preste bastante atenção nos que considero os 5 piores erros do afiliado e, se estiver cometendo algum deles, procure resolver isso o mais rápido possível.

Não vou somente apontar os erros, vou também mostrar maneiras simples para você parar de comete-los e, assim, aumentar as chances de sucesso do seu negócio online.

1- Não saber calcular o ROI dos seus anúncios

Investir em anúncios, principalmente utilizando o Facebook Ads é uma tarefa comum do afiliado profissional. O problema é que muitos não sabem calcular o ROI dos seus anúncios.

Outro dia em um grupo de afiliados começou uma troca de dicas para melhorar o ROI em determinados anúncios e um dos participantes perguntou o que era ROI.

A maioria achou estranho, pois era um grupo intermediário, que não é aberto para iniciantes.

Para espanto maior, a pessoa não era iniciante e investia +R$1 mil por mês em anúncios, mas não sabia o que era ROI, quem dirá como calcular o ROI.

O que é ROI?

ROI é uma sigla para a expressão em inglês “Return over Investment”, ou “Retorno sobre Investimento”. É um termo usado muito antes do marketing de afiliados existir, para saber quanto dinheiro a empresa está ganhando (ou perdendo) em cada investimento realizado.

No caso do afiliado é saber qual é o retorno do investimento em anúncios e se está tendo lucro ou prejuízo. Se não existe esse controle, as coisas podem ficar “negativas” para o seu lado.

Existe uma fórmula para calcular o ROI. Pesquise sobre isso e crie uma planilha no Excel para controlar todos os seus investimentos em anúncios. Existem até mesmo planilhas já prontas para esse fim.

Procure se informar sobre isso e não faça mais anúncios sem saber exatamente qual está sendo o seu custo, seu faturamento e seu lucro (ou prejuízo).

Investir sem ter controle pode te levar a falência.

2- Investir apenas em anúncios

Quando comecei a trabalhar com infoprodutos não existia a estrutura para anúncios que temos hoje. Por isso ensino a meus alunos que é preciso diversificar sempre que possível.

Invista seu dinheiro e seu tempo em várias maneiras de vender na internet. Produza conteúdo em texto (blogs) e em vídeo (Youtube e Facebook, pelo menos) e busque outras maneiras de trabalhar suas vendas na internet.

Invista em SEO (isso mesmo, SEO não morreu como já te disseram mil vezes) para gerar visitas orgânicas para seu blog ou canal no Youtube, não fique apenas fazendo o que todos estão fazendo, procure fazer diferente em alguns aspectos.

Não existe nenhum problema em fazer vendas usando anúncios, mas entenda que essa não é a única maneira. Estude sempre sobre novas maneiras de vender na internet, mas não deixe de prestar atenção também naquele vendedor da sua cidade que você sabe que tem “talento” para as vendas. Ele pode te ensinar muito mais sobre vendas do que muitos “gurus” famosos da internet.

3- Não capturar contatos para uma lista de e-mail

O e-mail marketing morreu!

Você já deve ter lido ou ouvido essa frase. Talvez centenas de vezes.

Pois bem, posso te afirmar que o e-mail marketing não morreu e não vai morrer tão cedo. O que aconteceu é que as pessoas estão menos propensas a abrir e-mails, então você precisa ser criativo e trabalhar muito bem a estratégia de e-mail marketing.

Todos tem, pelo menos, um endereço de e-mail. Para criar uma conta no Facebook precisa de um e-mail, para entrar no smartphone precisa de um e-mail (dei um smartphone recentemente para meu pai e criei um e-mail para ele, aos 80 anos).

Esse erro entra no tópico anterior, de só pensar em vender por anúncios. Invista também numa estratégia de captura de contatos via e-mail, mas também por manychat, OneSignal, Whatsapp, etc.

Se você ficar apenas colocando dinheiro no Facebook Ads e outras maneiras de anunciar e não pensar em criar a sua própria audiência, uma hora se verá sem público para trabalhar. Os infoprodutores capturam e-mail e usam várias outras maneiras para engajar o visitante que não quer comprar naquele momento. Por que você não pode fazer o mesmo?

Ou seu dinheiro é infinito e para você isso não é importante?

Recomendo que reveja sua estratégia e comece a criar uma audiência para seu negócio, com certeza seu ROI vai aumentar muito depois que fizer isso.

4- Usar apenas uma estratégia

Você usa apenas uma estratégia para fazer vendas? Como assim…

Você é daqueles que usa apenas anúncios? Lembra do erro número 2? Ou você usa somente e-mail marketing? Ou somente canal no Youtube? Ou somente artigos de conversão em blogs?

Quanto mais estratégias você usar, maiores as chances de não parar de receber e-mail de venda realizada. Pense nisso e, se ainda não usa alguma estratégia, comece a usar.

Criar um blog hoje é uma tarefa muito simples. Dependendo da hospedagem que você contratar, ela já entrega o WordPress instalado, mas mesmo que não faça isso, com três a quatro cliques você instala o WordPress e já pode começar a criar conteúdo.

Um canal no Youtube também é muito simples de se criar e, hoje, qualquer celular ou Webcam já te ajuda a começar as gravações, ou até mesmo pode gravar a tela do seu computador com programas gratuitos e subir os vídeos.

Não tem desculpa, basta acreditar que está cometendo um erro grave ao usar apenas uma estratégia de vendas.

5- Ser APENAS afiliado

Com ênfase na palavra APENAS.

Como já falei nesse texto, tive que me reinventar várias vezes durante esses anos que estou trabalhando com negócios online. E você também vai precisar fazer isso, se quiser continuar trabalhando no seu negócio online.

Não dá para depender apenas de um programa de afiliados, como também não dá para depender de apenas uma maneira de trabalhar com esses programas de afiliados.

O marketing de afiliados de infoprodutos nos dá algumas possibilidades que outros programas não dá. Entre elas está justamente a flexibilidade de poder ser afiliado e produtor.

Hoje trabalho como afiliado em diversos nichos e sou produtor em outros. E não pense que você não tem conhecimento para isso. Se não tiver, você aprende. É assim que a vida segue para aqueles que tem sucesso. Quando não sabem algo, vão atrás e aprendem.

Se não sabes, aprende; se já sabes, ensina (Confúcio)

Imagina que você é afiliado de um produto que custa R$297,00 e sua comissão é de 40%. Após o desconto da plataforma sobra, mais ou menos, R$266,00. Você então irá receber R$106,00 por venda. Se você está usando anúncios e tem um ROI de 100%, significa que está gastando, em média, R$53,00 para fazer uma venda.

Se você faz 10 vendas desse produto, seu faturamento será de R$1.060,00 e seu custo de R$530,00. Então seu lucro será de R$530,00. E olha que estou colocando um cenário bem favorável.

Agora imagina se você fosse o produtor.

Você já sabe vender, afinal já é afiliado.

Se você vende o mesmo produto a R$297,00, depois de tirar a parte da plataforma sobre R$266,00. Então ao vender 10 você terá um faturamento de R$2660,00 e um custo de R$530,00. Então seu lucro será de R$2.130,00.

Percebe que o investimento continua o mesmo e o que aumenta é o seu faturamento, com isso aumentando também o lucro?

Aumentar o lucro deve ser a busca constante do empreendedor e nesse exemplo acima você pode fazer isso apenas retirando o “intermediário” do seu negócio, que é o produtor.

E ainda tem as vendas que serão feitas pelos seus afiliados. Sem investimento do seu dinheiro, apenas o lucro limpo caindo na sua conta.

É claro que não será possível ser produtor em todos os nichos que trabalha, mas certamente conseguirá criar infoprodutos na sua área de conhecimento.

Mas… Sempre tem um mas.

É claro que criar um infoproduto não é uma tarefa das mais simples, mas também não é algo impossível para você, que já está dentro do negócio e sabe o que precisa ser feito para fazer vendas todos os dias na internet.

Se você ainda não é um afiliado que faz vendas todos os dias, sugiro que continue trabalhando como afiliado por mais um tempo, para ganhar mais experiência em todas as estratégias que vai precisar utilizar para vender seu produto.

Se você acha que é o momento de ser infoprodutor, continue lendo

A partir desse momento sugiro que só continue lendo se acha que seu momento de ir para a próxima fase do jogo e se tornar produtor chegou.

Os 5 PIORES erros do afiliado que podem levar o negócio online a falência

Como falei ser produtor não é uma tarefa das mais simples, mas se tiver alguém para te ajudar, você poderá chegar lá e começar a ter o faturamento mais alto do que possui hoje.

Imagine você dobrando ou até mesmo triplicando seu faturamento, sem precisar com isso aumentar seu investimento?

Imagina você tendo diversos afiliados profissionais (como eu e você) divulgando e investindo em anúncios para fazer vendas do seu infoproduto?

Pare de imaginar, pois você está mais próximo dessa realidade do que imagina!

Só o que você precisa é de alguém lado a lado com você, que tenha e queira compartilhar esse conhecimento.

Por isso quero te convidar a conhecer meu livro “O Círculo de Criação do Infoproduto Perfeito”. Esse livro traz tudo que precisa saber, na prática, sobre criação e lançamento de infoprodutos no mercado brasileiro.

Com esse conhecimetno você vai parar de imaginar e começar a planejar o que fazer com o dinheiro a mais que vai entrar no seu faturamento após seus lançamentos.

Clique na imagem abaixo e confira o conteúdo do livro físico.

Conclusão

Espero ter te ajudado ao apontar os 5 PIORES erros do afiliado que podem levar o negócio online a falência em algumas semanas e, além de apontar os erros, ainda te mostrar que não é tão complicado fazer da maneira correta.

Se ficou alguma dúvida, basta deixar um comentário.

Se gostou e acha que o conteúdo foi útil, não esqueça de clicar nos botões de compartilhamento e deixar outros terem acesso a esse conhecimento.

Como Criar um Negócio Lucrativo na Internet - Baixe Grátis!

Gustavo Freitas

Problogger, empreendedor digital e criador do Clube do Marketing Digital e do evento presencial Vá para o Próximo Nível.

Website: https://gustavofreitas.net

24 Comentários

  1. Pingback: Só leia se estiver precisando aumentar suas vendas

  2. Graciete Romao

    Gustavo, parabéns pelo posto! Excelente conteúdo! Espero um dia poder participar dessa imersão. Sucesso! Abraço!

  3. Rafael

    Gustavo, parabéns pelo post… gostaria de ter um contato com vocês, sou novo nesse mercado, apesar de conhecer desde 2013, porém nunca tive chance de iniciar, hoje eu quero fazer para ter uma forma sustentável e correta nesse mundo online. Quero muito contar com a sua ajuda, gostaria de saber também sobre o CMD, se nele eu consigo começar do ZERO até me profissionalizar e poder ser um marketing profissional?

      • Rafael

        Estou tentando entrar com o cartão de credito, porem diz que estou com problema no cartão, e não procede. Já entrei em contato com a administradora do cartão e esta tudo certo, e isso não é a primeira vez que acontece.

        se puder me ajudar, se não vou pagar no boleto mesmo.

          • Rafael

            Não consegui entrar no clube com meu cartão de credito

        • Renato Lúcio Gibin

          Ajudar aqui a responder. Isso aqui já aconteceu comigo por 2 vezes. No meu caso, que tem possibilidade de ser o seu, pode ser que chegou a sua fatura e eles querem que você pague ela e então parece que inventaram uma “trava” de fazer com que a pessoa não consiga comprar, que será retirada após o pagamento e olhe que nem venceu ainda. E isso tem que ter muito cuidado. Mas, adquiri o curso do Gustavo por R$ 29,90 pagando por outro cartão. R$ 29,90 é um valor muito baixo para quem quer fazer uma compra por cartão de crédito, mas a gente tem que seguir regras que sempre aparecem, escondidas. No mais, estou nos meus estudos e quem está entrando agora é muito bom.
          Abraços a todos.

  4. Artigo interessante que agrega muito valor aos afiliados que querem viver da net, muito legal

  5. Parabéns Gustavo. Seus posts são objetivos e muito esclarecedores. Já anotei aqui. Inicio e-commerce de Dropshipping, fase pós-embrião…kkk. Sou iniciante. Fiz cadastro na Monetizze, Hotmart, Eduzz para trabalhar com Afiliado. Agora é aprender e ter domínio sobre os conhecimentos.

    • Obrigado pelo comentário Luiz. É seguir sempre aprendendo e colocando em prática os conhecimentos.
      Sucesso.

  6. JOSE EDELSON

    Sou leigo nesse assunto, mas acredito que vou conseguir, estou estudando, mais certo que para aprender leva tempo, mas estou decidido!!!

    • José Edelson você está no caminho certo, estudar e aplicar é sempre o melhor caminho.
      Sucesso.

  7. Gustavo, excelente artigo, pois eu, que sou novato no empreendedorismo online, necessito dessas informações às quais, vou arquivando para consultas posteriores. Tenho uma pergunta: Ser produtor e ter a si mesmo como único afiliado, gera bons lucros, como vimos no exemplo colocado. Mas, ter mais afiliados não geraria mais vendas e, portanto, um resultado financeiro semelhante na economia de escala? Abraços!

    • Olá Antonio, com certeza ter afiliados vendendo para você será melhor ainda. Mas é importante que você seja o seu melhor vendedor, assim seu produto sobe na plataforma e os afiliados que realmente vendem, vão querer trabalhar com seu produto.
      Abraço.

  8. marcello

    Ótimo texto, como sempre o Gustavão nos dá insights bem interessantes e principalmente “abre os olhos’ dos novos entrantes neste mercado que Francamente NÃO irá saturar tão cedo e por um simples motivo: As demandas por conhecimento formatado, encapsulado e dirigido é imensa e as pessoas PAGAM por boas informações, basta você ter uma boa carta de vendas e um preço adequado e obviamente atrair algum tráfego para seu infoproduto.Com relação a Midia de Divulgação e as Estratégias Mencionadas no Ítem 4 para atrair tráfego penso que quem é novato deve primeiro NÃO investir em Midias Pagas pois a chance do ROI não ser compensador pode ser bem alta e DEVE SIM investir apenas em 1 (uma) mídia e depois escalar para outras, talvez seja conveniente criar um Canal no You tube no Primeiro Mês e depois se afiliar em Grupos no Facebook e depois Instagram, Twitter, Pinterest e etc… Uma vez li algo que achei genial e diz o seguinte: “𝙎𝙐𝘾𝙀𝙎𝙎𝙊 é 𝙛𝙖𝙯𝙚𝙧 𝙪𝙢𝙖 𝙘𝙤𝙞𝙨𝙖 𝙙𝙚 𝙘𝙖𝙙𝙖 𝙫𝙚𝙯” e acredito piamente nisso, o cara não manja NADA de wordpress e daí que aprender TUDO de uma vez: Criar sites, Canal no Ytube, Facebook Ads, Adwords e já viu né, vai fazer tudo mais ou menos e nada Bem feito😨. Por fim, penso que a ansiedade MATA muitos candidatos a empreendedores pois querem ganhar muito em pouquíssimo tempo, tenta programar para começar a ganhar um dinheiro sólido entre 4 meses e 1 ano e aprenda sobre técnicas diversas( SEO,midia paga e etc..), realiza testes e vai se aprimorando ou será que o Gustavo ganhou seus primeiros R$1.000,00 em apenas 2 meses quando começou lá em 2008?

    • Marcelo, obrigado pelo comentário e pelas observações.
      Realmente não se chega a resultados expressivos em alguns meses, não de uma maneira sustentável.
      Abraço.

  9. Cristiane dos santos

    Amei este post, ja cometi muitos dos erros e isso só nos faz andar em círculos, adoro seus posts e discas.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.