Esse artigo é para falar sobre carta de vendas, mas para isso vou abordar a minissérie de sucesso da Netflix “O Gambito da Rainha”.

Ah Gustavo, mas esse minissérie fala sobre xadrez, acho que você se enganou só um poquinho.

Essa minha consciência sempre querendo ser mais experta que eu…rs…

Na verdade tem tudo a ver o que vou falar, continue acompanhando.

Só tem um pequeno detalhe, antes de começar, preciso alertar que esse artigo contém spoilers da minissérie O Gambito da Rainha.

Então se ainda não assistiu, salva esse artigo para ler depois.

Ela sentou e escreveu uma carta de vendas que mudou sua vida

Ela sentou e escreveu uma carta de vendas

Muito tem se falado atualmente sobre o grande sucesso dessa minissérie da Netflix.

Hoje também quero abordar essa minissérie, mas de um outro ponto de vista.

Lembrando que contém spoilers aqui, então se ainda não assistiu, vá lá assistir e volte aqui depois.

No episódio 2 Beth Harmon está conversando com sua mãe adotiva. A mãe conta que o pai as deixou e que elas precisam se sustentar. Beth então fala com a mãe sobre um torneio de xadrez que gostaria de participar.

A inscrição custa 5 dólares (o que era muito dinheiro na década de 1960) e a mãe diz que não tem como pagar. Beth então diz que vai começar a trabalhar, para juntar o dinheiro e a mãe diz que na idade dela somente “meninas de cor” trabalham.

Na próxima cena Beth está escrevendo uma carta para o Senhor Schaibel para lhe pedir o dinheiro emprestado. Essa é a carta de vendas que mudou sua vida para sempre.

Ela começa assim…

“Caro Sr. Schaibel, há um torneio de xadrez aqui com primeiro prêmio de 100 dólares e segundo prêmio de 50 dólares. Há outros prêmios também. Custa 5 dólares para entrar, e não tenho isso. Se me enviar o dinheiro pago 10 dólares de volta se eu ganhar algum prêmio.”

Ela enviou a carta e, dias depois, recebeu uma carta com o valor necessário para fazer a inscrição no torneio.

Ela vence o torneio e sua vida muda a partir daquele momento.

11 pontos importantes sobre essa carta

E o que isso tem a ver com marketing digital, venda como afiliado ou infoprodutor e um negócio online?

Bom, vamos lá! Quero compartilhar com você 11 pontos que considero importantes nessa carta de vendas.

No final do artigo vou deixar o vídeo que publiquei no meu canal do Youtube, lá falo em detalhes sobre cada um desses pontos.

1- Beth começou do zero financeiramente, mas não do zero intelectualmente. Ela tinha o conhecimento necessário para participar do torneio com chances de vencer.

2- O Sr. Schaibel a conhecia. Ele a ensinou a jogar xadrez e sabia, melhor que todos, do grande potencial dela.

3-Beth tentou outras maneiras de ter o dinheiro necessário para fazer a inscrição, mas não conseguiu.

4- Quando decidiu pedir o dinheiro emprestado, ela escreveu uma carta de vendas. Ela vendeu o maior produto que ela tinha, o seu talento para o xadrez.

5- Ela escreveu diretamente para uma pessoa.

6- Ela escreveu apenas o que era necessário para ter sucesso no seu objetivo. Não contou como estava sua vida nova, não perguntou detalhes da vida do Sr. Schabel, foi direto ao ponto.

7- Não começou a carta pedindo o dinheiro, mas sim falando sobre um assunto que ia despertar o interesse dele, o xadrez.

8- Depois falou do prêmio em dinheiro.

9- Depois falou do valor da inscrição, fazendo assim uma ancoragem de preço ou valores.

10- E então falou que não tinha o dinheiro necessário.

11- Por fim fez o pedido com uma promessa muito forte, devolver o dobro do valor.

E o que você pode fazer a respeito?

Agora te pergunto.

Está fácil para você?

Para mim nunca foi fácil.

Mas eu procuro sentar e escrever uma “carta de vendas” diariamente solicitando a meus seguidores que me ajudem a continuar no jogo, e em troca, lhes ofereço, pelo menos, o dobro do que estão investindo em conhecimento para mudar suas vidas.

E você, está escrevendo suas cartas de vendas ou está sentando e chorando?

Pense nisso!

Assim como a vida de Beth mudou completamente ao escrever aquela carta, sua vida também pode mudar ao escrever, de maneira certa, as suas cartas de vendas.

Se ainda não sabe escrever uma carta de vendas, precisa resolver isso logo e, para isso, te indico que siga o Paulo Maccedo, que é a maior autoridade de copywriting do Brasil, na minha opinião.

→ Conheça o treinamento do Paulo sobre o assunto

Se acha que esse conteúdo pode ajudar outras pessoas, por favor, use os botões de compartilhamento e manda para suas redes sociais.

Ah, já ia me esquecendo. Diga nos comentários o que achou do Gambito da Rainha e o que pensa sobre minha observação dessa passagem do episódio 2.

Esse é o vídeo que falei no artigo.

Leia também

Bacharel em Sistemas de Informação, Pós graduado em Planejamento Educacional e MBA em Marketing. Especialista em Google Adsense e autor do livro "O Círculo de Criação do Infoproduto Perfeito".

Deixe um comentário

Comentários