Por que criar um blog de lixo

Anos atrás, quando surgiu o conceito de blog de nicho, li um artigo muito interessante que tinha mais ou menos esse título “Crie blogs de nicho e não de lixo”. Infelizmente esse blog não existe mais e o artigo se perdeu.

Nesse artigo quero abordar o mesmo tema. E com a mesma opinião do Alan Niemies na época, mas antes de “entrar no mérito da questão” (sempre quis escrever essa frase) primeiro se faz necessário explicar alguns pontos.

O que é um blog de nicho

O primeiro é justamente esse. O que é um blog de nicho?

Um blog de nicho é um blog que trata de uma temática exclusiva. É direcionado para um público alvo e evita, ao máximo, tratar assuntos off topic.

Nos últimos anos desenvolvi uma metodologia para criar negócios de sucesso baseado em blogs de nicho, e-mail marketing e infoprodutos. Batizei de Método Start, pois é sempre o meu ponto de partida para criação de novos negócios lucrativos na internet.

Hoje defendo a criação de blogs de nicho com foco na solução de problemas e não somente para se ganhar dinheiro. O ganhar dinheiro será uma consequência de se unir o que gosta de fazer com a solução de problemas e a maneiras corretas de monetização.

O que é um blog de lixo

Um blog de lixo é um blog que parece que é um blog de nicho, mas na verdade é apenas mais um projeto na internet voltado “apenas” para se ganhar dinheiro, sem a preocupação de resolver problemas reais do seu público alvo. Não estou falando apenas de um blog com um template horrível, mas sim de um blog que é criado única e exclusivamente para ganhar dinheiro, sem nenhuma outra preocupação.

Um dos grandes problemas ao se criar um blog (ou um negócio online) é justamente a motivação. Se a sua motivação é APENAS ganhar dinheiro, esse projeto dificilmente vai longe, principalmente se você tem essas duas características:

  1. Está começando agora a trabalhar com blogs
  2. Não gosta do assunto que está abordando

Por que criar um blog de lixo?

por que criar um blog de lixo

Então a pergunta é “Por que criar um blog de lixo”? Por que as pessoas criam esse tipo de lixo na internet? O motivo lógico é “ganhar dinheiro na internet”. Esse termo possui 6 milhões de resultados na pesquisa do Google. Para ter tanto conteúdo relacionado é lógico que também possui muitas buscas e muitas pessoas estão interessadas em descobrir o “grande segredo”.

Pois bem, na busca pelo grande segredo eles acabam descobrindo alguns conceitos dos quais quero distância (principalmente pela minha experiência de 7 anos ganhando dinheiro na internet). Vou citar alguns para abrir seus olhos.

1- Você não precisa gostar ou entender do assunto

Na minha opinião esse é o pior de todos, e por isso está logo como primeiro. Alguns aconselham a não se preocupar se você gosta ou entende do assunto que vai abordar em seu blog de nicho (lembrando que blog de nicho é um blog especializado em determinado assunto).

Mas como você vai produzir conteúdo sem gostar ou entender do assunto? Simples, dizem eles. Basta contratar redatores e eles vão te fornecer o conteúdo necessário para ficar nas primeiras posições do Google, conseguir milhares de visitas e ainda ganhar muito dinheiro sem fazer absolutamente nada.

Não caia nessa. Não seja bobo. Ou não queira ser o esperto (é a mesma coisa).

Eu defendo que se deve criar um blog de nicho num assunto que gosta, ou então entende. Eu não sai de um emprego convencional, onde fazia o que não gostava, para trabalhar em algo que não gosto. Para abordar assuntos que não gosto.

E os redatores? Eu até concordo que se deva usar redatores em alguns projetos e situações. Mas você precisa selecionar muito bem o redator (e para isso pagar muito bem também) e fazer o papel de editor. Então lhe pergunto, se você não gosta ou entende do assunto, como vai editar algo nos artigos enviados pelos redatores?

Só comece um blog de nicho num assunto que gosta ou entende. Eu já comecei blogs de nicho em assuntos que não gostava (apesar de entender) e, mesmo ele dando dinheiro, acabei vendendo, pois era uma tortura ter que produzir conteúdo e interagir com um público alvo que eu não gostava. Pense nisso.

2- Você não precisa saber escrever artigos

Como assim? Você começa um blog e não precisa saber escrever artigos?

Por isso existem tantos blogs com conteúdo plagiado na blogosfera.

Quer a verdade? Para criar um blog de nicho de sucesso você precisa saber escrever artigos. Se não sabe, precisa aprender as técnicas necessárias de escrita. Simples assim.

Não pense que “na internet tudo é público” que você pode acabar sofrendo um processo na justiça por publicar conteúdo plagiado. E não adianta copiar o conteúdo e no final colocar o link de onde retirou, ele continua sendo crime. Não é conteúdo plagiado, mas é conteúdo não autorizado.

Mesmo se tiver autorização para replicar um artigo no seu blog, não o faça. Isso não vai trazer nenhum valor a médio e longo prazo pra seu negócio baseado em blogs.

Se você faz o que gosta ou entende, certamente conseguirá aprender técnicas de escrita e colocar em palavras o que você pensa.

No vídeo abaixo te mostro como produzir conteúdo de qualidade para seu blog.

3- O importante é o clique nos anúncios

O importante é o clique nos anúncios, o resto não importa. Principalmente o visitante, a pessoa que chega a seu blog de nicho em busca da solução de um problema. Isso não importa, então se você criar um artigo para ensinar como conseguir um emprego no Google, dê algumas informações para enrolar e não coloque nenhum link de saída para a página de contratação do Google.

Por que isso é orientado? Dessa maneira ele vai ter que sair clicando nos seus anúncios, pois serão as únicas maneiras de ir para outro local e tentar resolver o problema que ele busca.

Isso está muito errado. Na minha opinião esse é o pior tipo de blog. Quando estou em busca de uma solução para um problema e encontro um artigo como esse a minha vontade é denunciar para alguma autoridade. Eu me sinto enganado e feito de bobo. Não faça isso. Foque na solução de problemas das pessoas em nichos que você gosta ou entende e você estará criando um negócio rentável e duradouro.

Os cliques nos anúncios, as comissões por venda de infoprodutos, o cadastro na sua lista de e-mail marketing, tudo isso será apenas uma consequência do seu esforço em solucionar problemas. Em ajudar as pessoas.

4- 1 dólar por blog

Deixei esse por último, mas ele é muito importante. Temos iniciantes entrando na internet a todo o momento e eles recebem esse tipo de informação. Se você criar um blog e conseguir ganhar com o Google Adsense 1 dólar por dia, ao final de 30 dias são 30 dólares. No câmbio de hoje (R$ 2,74) seria o equivalente a R$ 82,20 por mês. Muito pouco pra quem quer trabalhar somente com a internet.

Mas e se eu criar 10 blogs e conseguir o mesmo valor diário em cada um? Eu chego a R$ 822,20 mensais. Acende uma luz mágica da inteligência e foi descoberto o segredo de quem trabalha com internet. Agora vou criar 100 blogs e vou ganhar 100 dólares por dia. Ou 3.000 dólares por mês, o equivalente a R$ 8.220,00. Bingo.

NÃO FAÇA ISSO. Pode parecer, para você que está começando, que é muito simples ter 10, 50, 100 blogs e ganhar esse valor por mês, ou até mais. Mas não é. Me desculpe por jogar sua grande ideia no vaso e dar descarga dupla.

Você sabia que mais de 90% dos blogs que são criados não passam de 90 dias? E você sabe por que? Alguns motivos são:

  • Falta de tem tempo
  • Falta de experiência
  • Desinteresse
  • Não rende dinheiro
  • Muitas dificuldades técnicas
  • Poucas visitas

Faça o que você gosta

Nosso tempo de vida é muito curto. E passamos uma grande parte de nossa vida trabalhando. Meu conselho para quem está começando a criar um negócio rentável na internet é “faça o que você gosta”.

Se dedique a criar um negócio em um nicho que você gosta ou entende e certamente, em algum momento, seu trabalho, esforço e dedicação vão ser recompensados. O dinheiro será apenas uma consequência.

Espero ter lhe ajudado a não criar blog de lixo e sim um blog de nicho. Qualquer dúvida, sugestão ou complemento ao artigo, é só deixar um comentário.

Por que criar um blog de lixo
5 (100%) 6 votes

REVELADO a técnica que usei para ganhar R$ 1.091,80 em menos de 48 horas

Gustavo Freitas

Problogger, empreendedor digital e criador do Método Start.

Website: http://gustavofreitas.net

25 Comentários

  1. Ivan

    Por que depois de 2013 o Adsense virou um lixo e não dá mais para ganhar dinheiro nessa pocilga?

  2. O termo “ganhar dinheiro na internet” está mal interpretado por milhares. Muitos pensam e desejam ganhar com seus blogs de “lixo” forçando cliques e com conteúdos por vezes polêmicos que não geram edificação em área alguma a não ser na fofoca e “vadiagem”. Estar na internet ao meu ver é estar em um ambiente de trabalho quando se trata de administrar um blog sério. Deste modo, quando se “trabalha” sério, consequentemente se ganha (recebe) por isto. É lamentável ver esses blogs irritantes que tentam burlar o Google com banners forçados para Adsense, por exemplo, enchendo a internet de informações vazias. Mas isto não se perpetua. Só sobrevive quem é sério neste negócio emfim. 🙂

  3. Tem um blog de uma pessoa bem famosa que ele divulga ideias bem diferentes dessas e quando eu postei dizendo que não concordava com o artigo e as ideias que ele passava quase fui convidado a não comentar mais no blog dessa pessoa.

    No final comentei o que é bom para você não quer dizer que vai ser bom para as outras pessoas.

    Dois dias depois recebi um e-mail dele pedindo para não prejudicar o artigo dele.

    Parei e pensei qual a utilidade do artigo se não pode opiniar ao contrário?

  4. Boa tarde Gustavo, eu já li muito sobre este assunto, e você discorreu muito bem sobre ele, quantas coisas são ensinadas de maneira errada na internet, quanto lixo nas nossas mãos apenas por clicks em anúncios, eu já vi foi muito money markers,
    Esta nas horas das pessoas conseguirem falar mais do que gostam e não só do que ela pensa que da dinheiro.

  5. Gustavo , excelente conteúdo , eu já tive esta idéia dos 100 blogs mas abandonei exatamente por falta de tempo , quero te pedir um favor se voce puder visita meu blog e me diga se está bom o conteúdo e o layout. eu te agradeço se puder me dar um feedback meu e-mail está aí. obrigado Gustavo.

    • Olá Rene, ainda bem que abandonou a ideia. Assim que tiver um tempo vou visitar sim seu blog.
      Abraço.

  6. Excelente artigo Gustavo!

    Sempre surpreendendo e quebrando ‘paradigmas’.
    Acho que todo mundo que está neste mercado deveria ler todo conteúdo de seus blogs. Sempre aprendo coisa boa nestes artigos e SEMPRE acende uma luzinha para começar a trabalhar.
    A diferença está entre PENSAR e FAZER.

    Forte abraço

    Vitor

    • Ola Vitor,
      fico feliz que meus textos te inspiram. É também uma grande motivação saber disso.
      Abraço.

  7. Grande Mestre Gustavo Freitas, excelente ensinamento, seria de grande valia se 99% dos novos ou alguns antigos “empreendedores” tivessem o conhecimento do que foi relatado nesse artigo. Enquanto as pessoas olharem simplesmente para o dinheiro, vamos ter cada dia mais blogs de lixo. Na verdade é uma pena, pois essas pessoas que criam blogs desse tipo, não entenderam como funciona o marketing digital e você deu uma aula nesse artigo. Parabéns e um forte abraço.

    • Olá Reginaldo, a culpa também é de alguns cursos que ensinam justamente a fazer isso. Mas cada um trabalha da maneira que acho certo. Eu ensino totalmente diferente a meus alunos.
      Abraço.

  8. Ola Gustavo, post muito bom e pertinente, com a avalanche de blogs surgindo a todo momento, e a grande competição para alcançarem boas posições no google o pessoal cometem esse pecado, eu realmente fico incomodado com os blogs que não consigo navegar de tanto banner que aparece, e o conteúdo muitas vezes é artificial, não conta historia alguma, não envolve o leitor em nada, são apenas resenhas de produtos, objetivando venda. Mas como disse blogs dessa natureza tem vida curta, o próprio mercado trata de filtra-los.

    Parabéns pelo excelente conteúdo.

    Abraços

    • Olá Joelson, obrigado pelo comentário, agregou muito ao artigo.
      É como sempre digo, se quer ter um negócio online de sucesso por longo tempo, tem que gostar muito do que faz.
      Abraço.

  9. Olá Gustavo Freitas!
    Como sempre mais um artigo sensacional. Acredito que as dicas desse artigo são dúvidas de vários blogueiros, não só iniciantes, mas alguns blogueiros antigos que só mantém um projeto na internet para ganhar dinheiro com ele. Parabéns pelo excelente trabalho!
    Abração!

    • Olá Thomas, obrigado pelo comentário.
      Estou fazendo minha parte, esclarecendo alguns fatos.
      Abraço.

  10. Meu caro Gustavo.
    Mais uma vez tenho o prazer de cumprimentá-lo pela excelência desse seu conteúdo.
    Sabe, cada vez que leio um artigo seu, aumenta ainda mais a minha responsabilidade de entrar em campo pensando única e exclusivamente em melhorar a vida das pessoas que porventura acionarem meu blog.
    Você é uma pessoa do bem, com caráter e só isso já é o bastante para que sempre tenhamos o prazer de ler o que escreve.
    Que Deus o preserve sempre assim.
    Muito obrigado, de coração, por mais essa postagem.
    Fortíssimo abraço
    Nalberto

    • Olá Nalberto, fico muito feliz em ler esse comentário. Dá uma força a mais para continuar buscando informações que ajudem quem está começando.
      Grande abraço.

  11. Olá Gustavo! Excelente artigo. Realmente produzir conteúdo sobre o que não gostamos é uma tortura, certamente vale muito a pena escrever sobre o que gostamos, isso nos deixa mais á vontade e a criação de conteúdo simplesmente flui.
    Abraços.

  12. Ótimo artigo Gustavo.
    O que falta neste mundo de Ganhar Dinheiro Na Internet, na minha opinião, é mais clareza.
    Nos tempos que buscava informações sobre como aprender as técnicas para trabalhar com a internet, nunca vi um artigo nem próximo a este. E juntamente com as informações de alguns gurus, que é fácil trabalhar e ganhar dinheiro com a internet, muita gente cai no conto e quando vê já é tarde e abandona o famigerado blog que criou , qdo na verdade deveria é ter se perguntando se conseguiria trabalhar com o que é passado, e sim se iria trabalhar com prazer e com dedicação no blog.
    Um abraço e Sucesso Gustavo.

    • Olá Gleidson, desde 2008 venho alertando as pessoas para a realidade dos negócios na internet. É possível sim ganhar dinheiro, é claro, mas se for encarado como um trabalho e não como algo que vai se resolver sozinho.
      Obrigado pelo comentário.
      Abraço.

Deixe uma resposta